/* */
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...

Exemplos e modelos de redação

A redação é uma das provas mais importantes nos vestibulares e dos processos seletivos. Existem alguns tipos de estilo de textos que são mais recorrentes nessas provas e assuntos que quase sempre são abordados. Muitasz vezes as redações abrangem temas do cotidiano, por isso é necessário que os estudantes estejam atentos às notícias e às discussões na imprensa e na sociedade.

(Foto: divulgação)

(Foto: divulgação)

Exemplos textos para as provas de redação

Geralmente, os textos cobrados nas redações dos principais vestibulares e processos seletivos estão entre nos seguintes estilos: narração, dissertação e descrição. Contudo, isso não significa que modelos como carta, poesia ou mesmo crônica caiam na prova. Por isso, o candidato deve estudar todos os tipos de textos e, no momento da escrita, respeitar as normas gramaticais e textuais, escrevendo corretamente as palavras e a acentuação.

Dissertação: modelo de texto argumentativo

A dissertação é o tipo de texto mais comum nas provas de redação. Nele se deve ter um texto argumentativo, além disso, o estudante deve demonstrar conhecimento sobre o tema escolhido, abordando causas, conseguências, com uma introdução, desenvolvimento e conclusão.

Nesse modelo, se usa verbo na terceira pessoa do singular, frases curtas e objetivas. Não se devem usar termos coloquiais e se deve evitar a utilização de palavras no gerúndio. O texto deve ser bem fundamentado, com argumentos acertivos e persuasivos.

 

Narração: contando uma história

Nesse tipo de texto, o problema é abordado por meio de uma história, com personagens, espaço e tempo bem definidos. Há uma predominância de verbos de ação e a estrutura do texto possui introdução, desenvolvimento e conclusão. Também é importante ter um momento de clímax e um final com uma mensagem.

Normalmente, se utiliza verbos e pronomes na primeira pessoa do singular (para personagens) e na terceira pessoa do singular (para narrador). É um estilo de texto que permite uma maior liberdade e criatividade do candidato.

 

Descrição: uso dos cinco sentidos

O autor do texto deve descrever, de forma minuciosa, a ação, o lugar e as pessoas que estão inseridas na história. A finalidade é transmitir informações para que o leitor crie a imagem em sua mente, utilizando os cinco sentidos do corpo: olfato, visão, paladar, audição e tato.Verbos de ligação, como ser e estar, são muito utilizados nesta modalidade, assim como adjetivos.

Geralmente, ele é dividido em objetivo e subjetivo, na primeira opção o objeto é apresentado precisamente com suas características principais, sem permitir uma interpretação diferente pelo leitor. Já na opção subjetiva, é possível que o leitor interprete a descrição do objeto, pois o autor utiliza palavras com sentidos amplos. A intenção nesse tipo de descrição é fazer o leitor usar a sua imaginação de maneira livre.

Assista este vídeo e Descubra como você também pode transformar sua Redação do Enem!

Recomendados para você: